28.9 C
Nova Iorque
Terça-feira, Julho 27, 2021

Buy now

São Miguel dos Milagres: hotéis, restaurantes, passeios e muito mais

Com pouco mais de 20 km, o trecho do litoral alagoano formado pela Barra do Camaragibe, São Miguel dos Milagres e Porto de Pedras é o destino ideal para fugir do turismo de massa. As longas praias, sombreadas por coqueiros, são protegidas por falésias que formam piscinas naturais. De Maceió você pode fazer um roteiro por belas praias antes de chegar a Milagres (veja o roteiro aqui).

A maioria dos hostels está localizada perto da areia: com decoração de bom gosto e atendimento cordial, são ideais para casais. Como há poucos restaurantes, muitos estabelecimentos possuem seus próprios restaurantes.

COMO CHEGAR LÁ

De carro, saindo de Maceió, o trajeto segue pela AL-101. Os primeiros 50 quilômetros da Barra de Santo Antônio costumam ser paralelos à praia e ao coqueiral, depois a estrada vira para o interior. Após cruzar São Luís do Quitunde, saia da estrada principal e vire à direita em direção ao Passo de Camaragibe, onde a estrada se encontra novamente com o mar após 27 km na Barra do Camaragibe. E a 7 km de São Miguel dos Milagres. Não há linhas de ônibus ligando Maceió à região, mas as vans funcionam diariamente das 6h às 18h. Os veículos saem da rodoviária de Maceió ou Posto Marazul próximo ao Parque Shopping em Cruz das Almas.

PRAIAS

Para facilitar a vida de quem gosta de traslado, são 10 praias entre Barra do Camaragibe e Porto de Pedras. Portanto, é fácil fazer um top 10. Ao sul / norte fica a primeira praia Barra do Camaragibe, vila de pescadores emoldurada pela foz do rio Camaragibe e ao fundo de manguezais. Com acesso pavimentado existe o Praia do marceneiro é espaçoso e bom para caminhadas – os recifes de coral mostram seus rostos aqui. Não há restaurantes ou bares lá. O vizinho eletricidade é silencioso mas tem apoio de grades. Possui uma língua de areia fina e águas cristalinas. A praia central de São Miguel dos MilagreÉ uma entrada ladeada por um enorme coqueiral. A água esverdeada do mar é quente. O calçadão conta com barracas de peixes e uma das mais belas piscinas naturais da região.

O culto Praia do toque É o endereço de muitas pousadas charmosas. O adjetivo não está lá. Linda, possui um recife de corais a 1km da costa e em suas piscinas naturais é possível avistar peixes a olho nu. A longa faixa de areia com coqueiros é um agradável passeio. O acesso à praia é somente pelo terreno do hostel, quem não ficar deve passar (10 minutos) em frente ao vizinho Porto da rua, uma praia mais movimentada devido à cidade com lojas – há mais restaurantes aqui.

Próxima estação: Tatuamunha, um dos melhores para nadar graças às águas calmas e mornas e a uma ampla baía, ideal para passeios. Habitat de vacas marinhas que usa a extensão da Mata Atlântica e manguezais para levar uma vida boa. Aqui é feito um passeio de barco para apreciar o animal de perto. Sem muitas piscinas naturais Posição compensa com o azul de seu mar, o imenso coqueiral e o mínimo de gente na areia.

Presença constante nas listas que selecionam as melhores praias brasileiras, Patacho depende da fama. Tem areia clara, mar azul esverdeado, uma bela plantação de coqueiros que literalmente desce até a faixa de areia e uma série de lagoas naturais que se formam quando a maré está baixa. Não há barracas ou bares no Patacho. Restaurantes? Somente albergues em assentamentos e reservas são obrigatórios. Enfim o centrinho da praia de Porto de pedras é a equipe menos inspiradora, mas você pode ter algumas belas vistas da área do farol.

Quando devo ir

A alta temporada é o verão, quando chove menos e o calor chega a 30 graus ou mais. Durante este período, as diárias de hotéis e restaurantes aplicam-se aos preços mais altos e é necessário fazer reserva antecipada. De maio a julho a temperatura continua alta, mas chove. Setembro e outubro são meses que podem oferecer bons negócios e o clima tende a ser estável.

ONDE DORMIR

A indústria da hospitalidade na região é geralmente muito quente e cara. Várias estruturas estão praticamente imóveis na areia, quase um espaço privado para os hóspedes. Algumas instituições não aceitam crianças ou mesmo menores de 16 anos. Portanto, verifique isso com antecedência antes de reservar. Na equipa de hotéis mais adequada para uma viagem a dois encontram-se os Pousada do Toque, Albergue origami, Pousada da Amendoeira é Pousada Abaetetubana areia da Praia do Toque; a Aldeia de beijupirá está em Casotas da Laje Fique na Praia da Lage; Estou na praia do patacho Xuat, 1 Pousada Patacho está em Pacho Reservation Inn. Quem viaja com crianças encontrará aqui um oásis de paz Borapiraem Tatuamunha e em Pousada do Sonhono Porto da Rua.

ONDE COMER

A maioria dos albergues tem seu próprio restaurante. É bastante comum que os clientes se conheçam reservando com antecedência. Eles pertencem às melhores tabelas Xu, uma Casa acayu está em Aldeia de beijupiráque abriga uma unidade do famoso restaurante Beijupiracom matriz em Porto de galinhas. Fora dos muros da pousada, o restaurante é um dos melhores pratos da região. No Jardim, na Praia do Toque, onde o hóspede anuncia que tocará a campainha. Todas as mesas e temperos usados ​​para preparar os pratos ficam no pátio da propriedade. Os restaurantes com os melhores preços encontram-se na vila do Porto da Rua Favoritos pendência Enildo, com seu famoso cupcake de Alagoas, feito com coco cozido e sorvete de tapioca.

O QUE FAZER

chamada de Roteiro ecológicoEsse trecho, a pouco mais de 20 km do litoral, oferece praias incríveis protegidas do turismo de massa, justamente porque a ligação litorânea entre Maceió e Recife é distante. Os albergues dependem tanto de casais que muitos não aceitam crianças e quase todos são muito caros. Se você não se importa em não estar à beira-mar, os preços são acessíveis. A paisagem aqui consiste em faixas de areia branca, coqueiros sombreados, poucas pessoas e recifes de coral encontrados a poucos metros da costa. Na maré baixa, é divertido caminhar até um quilômetro para chegar aos recifes de coral. Quem preferir uma mão amiga pode pedir a um jangadeiro para levá-los às formações (geralmente indicam albergues). Ao contrário dos destinos tradicionais do Nordeste, a balsa por aqui é motorizada e os turistas com calma.

Uma balsa conecta Porto de Pedras com Japaratinga. As características da praia compartilham algumas semelhanças, com piscinas naturais e recifes de coral adicionando-se à propriedade para acomodar famílias.

MANATEE MARINE FISH

O peixe-boi tem sido encontrado cada vez mais raramente na costa brasileira Rio Tatuamunha Um bom lugar para viver, protegido por uma associação de luta que se esforça para manter os mamíferos longe dos predadores. Eles são aqueles que organizam um viajar por (82 / 3298-6247) para que os turistas tenham contato com os dóceis animais. Com duração de uma hora, o percurso atravessa um caminho em meio a um manguezal até chegar ao porto de onde sai o barco que encontra o peixe-boi. É quase certo que eles estão se aproximando do navio – a ênfase aqui está em “quase”. Portanto, esteja preparado para não usá-los, veja.

SACOLINHA

Depois de horas brindando nas areias e piscinas naturais da região, é hora de fazer compras. Tradicionalmente no Povoado do Toque, o Sandália lima produz calçados de couro há mais de 30 anos. Não tem placa na porta, não tem vitrine, é preciso olhar para dentro e ver as sandálias que podem ser compradas localmente ou sob encomenda – Marcos Lima, o proprietário, leva alguns dias para fazer uma sandália personalizada.

Em Tatuamunha na Artesanato do sol nascente (82 / 3298-6257) o artesão Ciro Procópio usa coco, banana e ouricuri para fazer várias peças decorativas.

Pesquise aqui alojamento em São Miguel dos Milagres

Saiba mais sobre Alagoas

Related Articles

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Stay Connected

0FãsCurtir
2,870SeguidoresSeguir
0InscritosInscrever
- Advertisement -spot_img

Latest Articles