DESTINOS

São Bento do Sapucaí: hospedagem, passeios, Pedra do Baú e muito mais

Atualizado em junho de 2020

Por Mirela Mazzola

Nesta bela cidade do interior está um dos principais cartões-postais da Serra da Mantiqueira: a Pedra do Baú, uma formação rochosa a 1950 metros de altitude que inclui também as pedras do Bauzinho e Ana Chata. A subida ao cume também é adequada para aventureiros e é popular entre os vizinhos Campos do Jordão é Santo Antônio do Pinhal.

Mas o charme de São Bento não se limita às três pedras: o centro tem ruas tranquilas e praças agradáveis ​​cheias de noctívagos atrás dos bonecos gigantes do tradicional Bloco do Zé Pereira durante o carnaval. No resto do ano a regra é   um pouco de sossego em boas pousadas – o clima de montanha também favorece a produção de trutas, principal componente dos restaurantes da cidade. Outra atração, o bom artesanato local, prefere materiais locais como madeira, fibra de bananeira, talos de milho e cerâmica.

Quando devo ir

Como a maioria dos destinos de montanha, São Bento tende a custar mais caro no inverno (o clima constante nessa época também contribui para a subida à Pedra da Baú). Nos 30 dias que antecedem o carnaval até o início da festa, a pequena cidade também é popular graças à tradição. Bloco Zé Pereira, brincando todas as noites com suas bonecas enormes. No resto do ano, as diárias são mais baratas e o clima nas montanhas mantém as temperaturas amenas.

COMO CHEGAR LÁ

Saída São PauloO caminho mais rápido é o sistema Ayrton Senna-Carvalho Pinto (SP-070). Porém, ao escolher a Dutra (BR-116), você evita dois pedágios. Em Taubaté, é necessário acessar a cênica rodovia Floriano Rodrigues Pinheiro (SP-123) e seguir pela SP-046, que segue para Minas Gerais pela MG-173 até São Bento.

COMO DIRIGIR

A cidade faz fronteira com a SP-050: à direita, principalmente no bairro do Quilombo, você encontra a maioria dos hostels e alguns estúdios. Do lado esquerdo, concentrado no distrito de Serrano, existem poucos outros alojamentos. Na Estrada do Paiol Grande em direção a Campos do Jordão, Existe um acesso à Pedra do Bauzinho que dá acesso ao do Baú. Já a região central da cidade concentra-se no comércio de artesanato.

O QUE FAZER

Cartão Postal Mantiqueira

São Bento do Sapucaí está localizada na divisa com Minas Gerais e é cercada por morros cobertos por matas indígenas e araucárias. A cidade também abriga uma das principais atrações da região, o Complexo da pedra do baú. No km 18 da estrada de Campos do Jordão, são 6 km de terreno para chegar ao estacionamento. Até o primeiro pico, o bola (a 1760 m) são apenas a dez minutos a pé. Do mesmo estacionamento você pode chegar a 1h30 (só ida) Pierre ana Chata (1670 m) – caminhada recomendada conduta.

O pico de Pedra do baú Requer uma boa preparação física e condução: para completar o desafio é preciso caminhar uma hora e depois subir 300 degraus (grades de ferro embutidas na pedra). O site da prefeitura tem um Lista de instrutores e agências credenciadasque também encorajam atividades como Cascata (Rapel na cachoeira) e Trilhas, como a Volta do Quilombo que percorre 12 km pela serra da Mantiqueira.

Confira Montanhismo no Nepal sobe ao topo da Pedra do Baú:

Cultura e artesanato

A vida no campo e a cultura de Tropeira são as marcas do artesanato local (no site da cidade em Lista de endereços) OU Quilombo Art Space reúne o trabalho de mais de 80 artesãos da região que criam peças decorativas e úteis a partir de palha de banana, talos de milho, bambu, madeira, barro e tecido. Perto dali, aproveite para visitar o Museu Quim Costa de carroças de boi, É uma homenagem ao carroceiro regional Joaquim Pereira da Costa, falecido em 2014. Para além da réplica da sua casa, a sala alberga um conjunto de velhas carroças de bois, ferramentas e máquinas que construiu. eu estudo Diga a joana, Isso torna as esculturas em madeira representando cenas rurais um verdadeiro ponto turístico. O artista, que passou a infância no Bairro do Quilombo, ainda tem uma bela história para contar: as esculturas de botas velhas que simbolizam o compatriota são um sinal da sua obra.


Claudia Mattos, lançada Tecidos Nakawe, inspira-se na arte local de tingir peças de algodão, como colchas, passadeiras, lâmpadas e letreiros. Alguns pigmentos consistem em urucum, açafrão e pinhões.

Os mosaicos compõem cenas naturais, imagens de São Francisco e pequenas igrejas na obra de Nico Ferrera. A artista usa azulejos, cerâmica e madeira para criar pinturas, vasos, tampos de mesa e cenários. pia alegre e colorida. Mosaico também é a técnica em que é usado capela pequena Rua 13 de Maio, reformada pelos artistas Angelo Milani e Claudia Villar. É uma referência à tradição milenar dos moradores da Mantiqueira, que homenageavam seus entes queridos com a construção de pequenas capelas (o local costuma abrir nos finais de semana).

ONDE DORMIR

São Bento oferece hospedagem para casais, mas também alternativas de lazer para famílias com filhos. Os hostels estão concentrados nos bairros de Quilombo, Serrano e Estrada do Paiol Grande, que dão acesso a Campos do Jordão. A Pousada do Quilombo Oferece quartos confortáveis ​​com lareiras, varandas e camas king-size, além de uma área de lazer com uma grande piscina, tirolesa e trilhas para caminhadas. Nos chalés de Vila Kaapora, Ao lado da trilha da Pedra Ana Chata fica a A decoração é elegante e há uma unidade de dois quartos para famílias ou grupos de amigos. O café da manhã é feito com ovos caipiras e ingredientes orgânicos cultivados no local.

Com quem ele está Refúgio da Mantiqueira Você não precisa sair do hostel para dar um mergulho na cachoeira – há uma cachoeira e um riacho próximo à sede da propriedade. Todos os chalés confortáveis ​​possuem cama king-size, lareira e aquecedor de toalhas. O charme rústico da acomodação Pousada Canto da Lua Muito pode ser atribuído à alvenaria exposta, lareira e móveis de madeira. No exterior existe uma piscina aquecida e uma sauna. Boa alternativa ao centro, Villa de montanha Possui piscina rodeada por um belo jardim e chalés de estilo alpino, alguns com hidroeletricidade.

Procure mais acomodações em São Bento do Sapucaí aqui.

ONDE COMER

A vista da Serra da Mantiqueira é um diferencial nos restaurantes da região. Na sala rústica de TatiniNo vizinho município de Sapucaí-Mirim (a 9 km de São Bento), é oferecido um menu degustação, que depende dos ingredientes frescos do dia, como truta, coelho, pato, cogumelos e vegetais colhidos na região. . Uma linda varanda com vista para o bosque é a sala de estar cavar, É aqui também que os não hóspedes são servidos na Pousada da Quilombo. O cardápio variado inclui carnes, massas, trutas e fondues. A atmosfera simples e acolhedora de Cantina do Tio Giuseppe, Com toalhas xadrez nas mesas, é o cenário de pratos típicos italianos, como espaguete e lasanha de toninha. O toque regional fica por conta do nhoque à gorgonzola com truta grelhada. O peixe é o principal produto da Ecoparque de pesca na montanhaonde há uma truta que alimenta o restaurante.

PONTA DE TRIAGEM

Com um final de semana Você pode explorar os principais atrativos de São Bento do Sapucaí: o complexo Pedra do Baú, ateliês e lojas de artesanato. O sábado pode partir rumo à Estrada do Paiol Grande, que dá acesso à pedra – os mais aventureiros e fisicamente preparados a farão planejado entrar em um dos Agências municipais. Quem prefere um passeio mais tranquilo ou quem está com crianças não vai apreciar a bela vista da Mantiqueira: basta deixar o carro no estacionamento e seguir em direção à Pedra do Bauzinho ou Ana Chata com acesso mais fácil. Alternativa para familiares que Ecoparque de pesca na montanha Há atividades como pesca de truta, tirolesa e arvorismo – o almoço pode ser feito já que o parque tem um restaurante que serve peixes criados por trutas. À noite, o restaurante é uma opção de jantar cavar (Como faz parte da Pousada do Quilombo, é melhor ligar antes caso não fique hospedado).

Aos domingos, você pode aproveitar os últimos momentos da aposentadoria até a partida. Então vale a pena Quilombo Art Space, que reúne o trabalho dos artesãos da região, e visita a Museu Quim Costa de carroças de boiespecialmente se você estiver interessado na cultura rural. O estúdio fica no mesmo bairro Diga a joanavale uma visita – espero trocar prosa com o próprio artista. Antes de descer a montanha, passe pelo centro para visitar a Igreja Matriz Capela do mosaico e lojas de artesanato locais, como artistas de mosaico Nico Ferreraque utilizou diversos materiais como azulejos, cerâmica e madeira para criar suas peças.

RECOMENDA VT

São Bento do Sapucaí não vive apenas em pousadas românticas e programas a dois: o Ecoparque de pesca na montanhaHá atividades para famílias com crianças a caminho de Campos do Jordão (a 18 km do centro das duas cidades). São trilhas para caminhadas, cachoeiras, arvorismo, tirolesa de 750m, arco e flecha e minigolfe em uma área de 500 mil metros quadrados de mata nativa. A grande atração, no entanto, são, como o nome sugere, os lagos de cultivo de trutas – o peixe fresco abastece o restaurante, mas os visitantes também podem pegá-lo e levá-lo para casa (sobretaxa por quilo). O local ainda tem algum Alojamento, com uma bela vista para a floresta. Os não clientes pagam uma taxa de entrada e as atividades são cobradas separadamente.

Veja também:

As melhores cidades serranas de São Paulo e Rio de Janeiro

Outros destinos de montanha no sudeste:

Serra da Mantiqueira

Campos do Jordão

Gonçalves

Montanha verde

Santo Antônio do Pinhal

São Francisco Xavier

Serra da Bocaina

Cunha

Você também pode estar interessado em estes posts relacionados:

Richard
Richard

Utilizamos cookies para melhorar a experiência do utilizador. Seleccione aceitar para continuar a navegação. Política de cookies

Ir para cima